fbpx
Telefone :
+351 914 617 217
Endereço :
incommun creative lab
Rua da Ramalhosa
3510-775 Repeses, Viseu
E-mail :
geral@incommun.pt

tendências 2022

Tendências de Marketing 2022

A pandemia trouxe bastantes adversidades tanto para as empresas como para as pessoas. Todavia, quando surge uma crise cria-se a necessidade de inovar e desenvolver novas soluções.
Ao longo de dois anos as empresas tiveram de se reinventar e destacar no mercado.
A incommun reuniu algumas das principais tendências de marketing para 2022, acompanhe as novidades e mantenha a sua empresa atual.

Experiências híbridas? Yes, Yes and Yes.
Se desejava assistir a um evento no outro lado do mundo, caminhamos a passos largos para que se torne cada vez mais uma realidade.
O quotidiano que conhecíamos com bastante contacto físico desapareceu com a pandemia. O digital tornou-se a principal fonte de rendimento de diversas empresas. Estima-se que em 2022 será ainda mais visível a mistura do digital com o offline. Desde eventos até serviços ou produtos. A procura pela presença digital é um must have de muitas empresas, aproximando-se dos clientes e tornando-se uma fonte de resposta prática e rápida.

Bye bye cookies
Ao longo do ano passado, ocorreram diversos debates sobre a existência das cookies como maneira de recolher dados dos consumidores. Todavia, as leis criadas em torno da privacidade do consumidor colocam em causa se as cookies são a melhor maneira de criar aproximação com o cliente. Prevê-se que em 2022, a utilização de cookies terá uma queda acentuada, promovendo-se outras estratégias de recolha de dados do consumidor como a recolha de dados first-party.

O reforço do Marketing de conteúdo e SEO
O marketing está em constante evolução, uma vez que os mecanismos de busca e o próprio algoritmo está em constante mudança, criando a necessidade constante das empresas se manterem atualizadas.
Com a crise que a pandemia irá trazer para a maioria dos países, a publicidade e os anúncios podem ter preços absurdos que nem todas as empresas conseguem suportar.
Reforça-se, então, o marketing de conteúdo e a utilização de SEO esta é a aposta das grandes empresas para retorno financeiro a longo prazo.

Social Commerce em alta
Comprar online já faz parte do nosso dia-a-dia, desde aplicações a websites bastante completos, as lojas investem na vertente digital para vender os seus produtos ou serviços. A novidade prende-se pela utilização das redes sociais como lojas virtuais, que apesar de já ser utilizada, será reforçada este ano. As lojas além de estarem presentes no mundo digital têm necessidade de estar presente nas redes sociais.

Novos influenciadores, novas realidades
A tendência é apostar em micro influenciadores e personalidades das mais diversas áreas, desde jogadores de futebol a chefes de culinária. Uma vez que o público é fidelizado e, por vezes, menor, permitindo custos mais baixos. E as mudanças não ficam por aí, algumas empresas já apostam em influenciadores virtuais, uma espécie de boneco em 3D com perfil nas redes sociais. Por outro lado, espera-se que 2022 seja o primeiro passo para que o online seja mais importante que o físico, onde através de um clique as pessoas consigam fazer tudo, ou quase tudo. Um ponto bem forte nesta tendência, é o Meta (o novo nome do facebook), que faz alusão ao conceito de metaverse que é um mundo virtual que tenta replicar a realidade. Se pensa que esta realidade está bastante longe de acontecer, pense nas experiências com óculos 3D que colocam a pessoa no mundo virtual, com sensações e visões, tornando-se difícil de distinguir a realidade da ficção.

Marketing humanizado
A necessidade pela representatividade nas empresas, pressiona uma renovação no marketing. Apesar de já existirem bastante empresas que praticam um marketing de proximidade onde exploram os valores das empresas, atualmente torna-se uma norma imperativa. Os consumidores não querem apenas comprar, querem ser representados. Empresas que optam pela humanização, onde defendem causas como igualdade, proteção ambiental, pet-friendly entre outras, são a opção principal do consumidor.

Proximidade com o consumidor
Os consumidores têm necessidade de se aproximar das marcas, um dos pontos chave é a utilização do whatsapp, muitas empresas já criam grupos onde os utilizadores podem partilhar experiências. Do mesmo modo, esta ferramenta é uma grande ajuda para tirar dúvidas e falar diretamente com o cliente.

Vídeo, movimento, vídeo
Cada vez mais "ouvimos" com os olhos e o visual nunca engana. Os vídeos vieram para ficar!